Dentinho

Meu tesouro mais crescido começou a abanar um dentinho. No dia a seguir na escola, caiu.

Foi assim com choque e incredibilidade que assisti à perda do primeiro dente de leite da minha filha de 5 anos. Ela chorava assustada e eu chorava emocionada …. estupidamente (ou não) só pensava ‘ela já não é um bebé ‘… enfim, mania das mães em quererem que os bebés cresçam e depois ficarem muito saudosas do tempo em que mudavam fraldas. Ora, eu sempre disse que saudades do passado não teria. Mas também disse que ia ter 3 filhos e aqui me vejo a terminar esta produção nos 2…

É bom ter mais do que um filho. Quando o mais velho se autonomiza sempre podemos dar um saltinho ao ‘ainda não está mesmo a acontecer’ com o(s) mais novo(s). A minha filha está a perder os dentinhos de leite. Nessa semana não cortei o cabelo ao miúdo, com 23 meses, só para ele ficar com aquele ar de bebezão mais um bocadinho…

A propósito de dentes a miúda pediu à farinha dos dentes a módica quantia de uma moeda de ouro…. um bocadinho acima dos nossos planos, digamos, mas depois de termos celebrado o momento com um euro, lá me deu para nostalgias. Lembrei-me do colarzinho de ouro que a minha avó mandou fazer com o meu dentinho de leite 😊 prometi o mesmo ao dentinho da minha filha e pensei que um objeto e ato sem grande importância era a coisa mais bonita que as famílias podem ter. Na repetição dos gestos recordamos e mantemos pessoas vivas, mesmo quando já não estão. Sorri e emocionei-me com todos estes passos. Filha és mãe serás, diz a namorada do meu irmão. E é isto. De repente, já tenho memória de todas as coisas que vivi com os meus pais e avós, na altura em que a minha filha os está a viver. É como uma vertigem. Da borboletas na barriga, é doce e às vezes é amargo.

Mas de tudo o que já vivi até aqui só posso sentir, este é o sentido da vida. Eu estou aqui e repito os gestos, os afetos e as palavras de todos os que me trouxeram até este lugar. E enquanto olho para ela e penso no olhar da minha mãe quando eu brincava, ou nos gestos da minha avó, penso que um dia a minha filha vai sentir esta imensidão, pelos seus próprios olhos, com os seus filhos ❤️❤️❤️❤️

Anúncios

Também quero dizer uma coisa

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s